Titular absoluto na zaga rubro-negra, Marllon espera um “final” diante dos esmeraldinos

No próximo sábado (5), o Dragão enfrentará o Goiás no último clássico goiano do ano. A bola vai rolar a partir das 17h, no Estádio Serra Dourada. Em caso de vitória rubro-negra, a partida marcará um passo importante do Atlético rumo à elite do futebol brasileiro.

Para o zagueiro Marllon, o jogo será uma verdadeira final e que o elenco rubro-negro dará a vida pela vitória. “Para nós, será uma final, como vem sendo todos os jogos. Vale três pontos, mas é um clássico. É um jogo muito importante para nós, se ganharmos, estaremos com um pé na Série A. Vamos dar nossa vida em busca da vitória”, disse.

Marllon começou a carreira na base do Flamengo e já teve passagem pelo Santa Cruz, onde atuou com o atacante Léo Gamalho, que hoje defende a camisa esmeraldina. O zagueiro destacou o ataque do rival e frisou a dificuldade que será a partida, para os dois lados.

“Conheço o Léo Gamalho, trabalhei durante sete meses com ele no Santa Cruz, sei a dificuldade de marcá-lo. Mas tem o Walter, o Rossi, o Léo Lima, Marcão. Será um jogo disputado, um grande clássico, com bastante dificuldade de ambas as partes, mas espero fazer um bom jogo para sair com a vitória”, declarou.

O jogador ressaltou, ainda, o foco do elenco rubro-negro para a partida, alegando que ninguém quer perder um clássico. “Será um jogo bastante difícil, não tem férias, eles darão a vida deles. O grupo todo está bastante focado para ir em busca da vitória. Se trata de um clássico, ninguém quer perder. Independente se vai subir ou não, é um clássico muito importante para todos”, afirmou.

O Atlético é o líder da Série B, com 61 pontos. Já o Goiás é o 13º colocado, com 44 pontos conquistados e sem mais pretensões na competição.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.