Dirigente da CBF explica as novidades nas janela de transferência em meio à pandemia




Nos próximos dias, a CBF deverá oficializar as datas e as novidades com relação a janela de transferência que terá durante o segundo semestre. De acordo com a programação, a tendência que ocorra duas aberturas entre o mês de julho para agosto e setembro para outubro.

Os detalhes do negócio aconteceram através do dirigente da entidade nacional, Reynaldo Buzzoni, que explicou com maiores informações a sua definição. Depois de definir o acordo com os clubes, agora a entidade quer definir as datas para que seja oficializado em seu veículo oficial.

“Após ouvir os clubes, definimos, neste primeiro momento, apenas cancelar o início da janela que abriria na próxima semana. Vamos aguardar a divulgação do período das janelas europeias para depois remarcar a data de abertura em relação ao futebol brasileiro”, destacou o diretor Reynaldo Buzzoni.

Por fim, o dirigente completou que a informação e o acordo foi feito entre a CBF com à FIFA: “É uma posição que a CBF já havia alinhado junto à FIFA e que os clubes concordaram por unanimidade”, completou o gestor da confederação, através da assessoria.







Os comentários estão encerrados.