Segundo Gilsinho, não vai existir “jogo de compadre” contra o Bahia

Já campeão e com sua vaga garantida na primeira divisão do Campeonato Brasileiro, o Dragão entra em campo neste sábado contra o Bahia. A partida que será disputada as 17h30 no estádio Olímpico, é de suma importância para o visitante, que precisa pontuar para garantir sua vaga na Série A. Mas se depender do Dragão, não vai ter jogo fácil, o técnico Marcelo Cabo preparou a equipe titular para ir a campo e o meia Gilsinho, rechaçou qualquer chance daquele famoso “jogo de compadre”, onde ninguém quer vencer.

Acho que não tem isso, seria uma falta de respeito com o clube e com a torcida que vai pagar o ingresso. A gente tem de fazer o que vem fazendo e dar o máximo para vencer. Temos de jogar para frente para deixar uma boa impressão.

Além disso, o meia está muito próximo de renovar seu contrato com o Dragão e ignorou qualquer problema sobre sua idade, 32 anos e jogando muito.

Acho que tenho demonstrado que futebol é em campo. Mesmo com 32 anos, estou mostrando que posso jogar em alto nível. Estou tranquilo quando a isso (idade) e sei que tenho condições.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.