Gilvan diz que Dragão subestimou reservas do Cruzeiro: “Achou que seria fácil”

O Atlético-GO pagou caro por um primeiro tempo sofrível. Com pouco mais de 20 minutos de jogo, o time já perdia por 2 a 0, o que dificultou muito. O Dragão até reagiu na etapa final, mas saiu do Olímpico derrotado por 2 a 1. O zagueiro Gilvan reclamou bastante da postura rubro-negra no início.

Gilvan afirmou que a equipe subestimou o Cruzeiro, que veia a Goiânia com time misto, já que está priorizando a final da Copa do Brasil, contra o Flamengo. O zagueiro lamentou os gols rápidos de Arrascaeta e Rafael Sóbis, o primeiro logo com quatro minutos de bola rolando.

– Nosso primeiro tempo foi muito abaixo. Tomamos dois gols bobos que não podem acontecer. Nosso time entrou muito desligado. Achou que seria fácil por ser o time reserva do Cruzeiro. Só que a equipe deles é de qualidade. Fizemos um bom segundo tempo, conseguimos o gol, fomos em busca do empate, mas não saiu. Agora é erguer a cabeça. Temos um jogo difícil contra o Avaí. Tomei o terceiro amarelo e estou suspenso. É difícil, mas vamos lutar até o final para sair dessa.

Gilvan cumprirá suspensão na próxima rodada e não viaja para enfrentar o Avaí no domingo, às 16h, na Ressacada. Em contrapartida, o técnico João Paulo Sanches conta com o retorno de Walter, que cumpriu gancho diante da Raposa. O Atlético-GO é lanterna com 22 pontos.

Fonte: Globoesporte

(Foto: Paulo Marcos/Assessoria Atlético Goianiense)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

error: Content is protected !!