Clubes da Série A devem bilhões à União; veja qual equipe lidera o ranking




De acordo com a publicação do blog Lei em campo, do UOL Esporte, que mostra que clubes da Série A do Brasileirão já devem à União no total de 2,8 bilhões de reais. No entanto, vale a soma dos vinte clubes da elite, mais a do Cruzeiro que está na Série B.

Na última terça-feira, os dados obtidos pela reportagem mostra que a informação foi junto à Procuradoria-Geral da Fazenda Nacional. No entanto, a soma do valor total da dívida que é ferente à débitos tributários e previdenciários, Imposto de Renda, CSLL (Contribuição Social sobre o Lucro Líquido), PIS e Cofins, FGTS e INSS.

No entanto, existem divergências interpretativas entre os times com a Receita Federal. Por serem entidades sem fins lucrativos, mas as equipes de futebol acreditam que não devem pagar imposto de Renda de Pessoa Jurídic, Cofins, PIS e Contribuição Social sobre o Lucro Líquido (CSLL).

No entanto, eles se baseiam em um entendimento recente do Conselho Administrativo de Recursos Fiscais, que extinguiu cobranas similares de outros clubes entre eles: Athletico-PR, São Paulo e Santos.

Depois do Corinthians, que lidera à dívida aparecem: Atlético-MG (R$ 329,8 milhões), Botafogo (R$ 258,8 milhões), Flamengo (R$ 192,8 milhões) e Fluminense (R$ 181,5 milhões) como os maiores devedores.







Os comentários estão encerrados.