Alterações na tabela e modificações dos estaduais: o planejamento da CBF para iniciar o Brasileirão




A pouco mais de um mês para o começo da Série A, a CBF finaliza os últimos preparativos para a disputa do torneio nacional. Com isso, o certame está previsto para começar entre os dias 8 e 9 de agosto com a bola rolando, nas primeira, segunda e terceira divisão.

Diante disto, a CBF aceitará jogos em cidades cujos times não estão nas competições, com intuito de adaptar a tabela de classificação e melhorar a logística. Principalmente, com a flexibilização de datas, para que todos os times consigam se encaixar.

Até o mês passado, o plano era finalizar os estaduais e só depois iniciar os torneios nacionais. Agora, o entendimento é outro. Com o andamento do ano, e a falta de permissões para que a bola rolasse em 26 Estados e também no Distrito Federal, foi necessário alterar o planejamento.

Por fim, o secretário-geral da CBF, Walter Feldman, explicou que a logística é outro fator determinante para a CBF. A entidade nacional deixou claro que uma normalização da malha aérea é fundamental para a disputa. Principalmente, o prazo foi definido em conjunto, com o mandatário Rogério Caboclo.

“Consideramos um prazo suficiente a data apresentada pelo presidente Rogério Caboclo. É mais do que o dobro do que os europeus deram como preparação”, avalia o diretor de competições da CBF, Walter Feldman.







Os comentários estão encerrados.

error: Content is protected !!